Poemas intermináveis. Videografias do lixo pós-moderno

Poemas intermináveis. Videografias do lixo pós-moderno

Poemas visuais e animados por computador, de teor político, por Antero de Alda. [Ligações]


Ligação externa > http://www.anterodealda.com/poemas_interminaveis.htm


Detalhes de alguns trabalhos >

anterodealda poemas interminaveis gueto 2013panterodealda poemas interminaveis madame lagarde 2013p

Do site do autor > “Hoje, mais do que nunca, estudamos os prejuízos causados por esta metamorfose diabólica da Democracia para a Plutocracia e formas concretas de colocar os cidadãos em acção para retomarem o poder. É uma tarefa difícil, que pode levar muitos anos, muitos mais do que aqueles que foram necessários para esvaziar os Estados das suas responsabilidades. (…) A Europa é um subúrbio da América. O que nos está a levar à miséria é a pobreza moral da mesma estratégia capitalista.”


Descrição e conteúdos >

Poemas intermináveis 097-086 >

Poemas intermináveis 085-071 >

Poemas intermináveis 070-056 >

Poemas intermináveis 055-041 >

Poemas intermináveis 040-026 >

Poemas intermináveis 025-011 >

Poemas intermináveis 010-001 >