O Corpo como Texto: Poesia, Performance e Experimentalismo nos Anos 80 em Portugal

Tese de doutoramento de Sandra Guerreiro Dias, cruzando estudos literários, estudos da performance e história da cultura, mapeando da relação entre a arte da performance portuguesa (APP) e a poesia desde o princípio do século XX, incidindo a investigação em particular na sua fase de expansão, a década de 1980. [pdf. Ligação]

Continuar a ler “O Corpo como Texto: Poesia, Performance e Experimentalismo nos Anos 80 em Portugal”

Parcels

Exposição de Bruno Neiva na Casa Museo Casares Quiroga, Corunha, com 25 trabalhos de text art onde se combinam registos de linguagem e tipografia com elementos plásticos, em homenagem a Marcel Broodthaers, Ana Hatherly e Álvaro Lapa. [Imagens]

Continuar a ler “Parcels”