Descrição > Autor: Pina, Sónia da Silva | Título: O fluxus: do texto à acção. A cartografia de uma a(r)titude | Data: 2011 | Trabalho de Projecto em Ciências da Comunicação, variante Cultura Contemporânea e Novas Tecnologias, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa.


Resumo > Este projecto estrutura-se em dois momentos essenciais. Num primeiro momento, o objectivo é realizar a recolha da informação sobre a trajectória do Fluxus em Portugal, partindo, designadamente, da ideia do Fluxus enquanto atitude artística intermediada, pelo que nesta fase subjaz caracterizar a atitude Fluxus como uma prática híbrida, transdisciplinar e aberta, tendo em conta que as práticas artísticas passaram a transcender os seus limites em consequência da coexistência de práticas visuais vanguardistas com práticas experimentais, e a diluição dos géneros artísticos. Este diálogo faz-se a partir da performance, do happening, da instalação, da música experimental, do medium, da incrustação da textualidade na prática plástica, e da penetração da arte no digital. Num segundo momento, procurar-se-á questionar os fundamentos dos processos da memória. Dada a inexistência de arquivos e repositórios acessíveis ao público em geral sobre o Fluxus, importa desenvolver uma proposta que colmate este vazio documental, designadamente através da elaboração de um arquivo virtual que seja capaz de traduzir esquematicamente o (não) movimento, com o objectivo final de desvelar a noção de experiência estética como experiência comunicacional, alargada, desmaterializada e intermediada, feita a partir do espectador, tendo por base aporia becktiana “Sou o observador e o observado. Qual dos dois é real?”, ou seja, na perspectiva da interactividade.


Ligação > http://hdl.handle.net/10362/7018