Descrição > “Tudo feito para se perder”: sobre Um buraco na boca de António Aragão - Maria Leonor Figueiredo (In: Cibertextualidades, 7, "Estudos sobre António Aragão", org. Rui Torres, 2015. Porto, Ed. UFP, pp. 77-84)


RESUMO: Apesar de a obra de António Aragão ser muito vincada por um humor satírico e bastante cáustico, o romance Um buraco na boca traz um tom mais disfórico e marcado pela perda, numa vida que vai surgindo em fragmentos de tempos e memórias nem sempre ordenadas e, definitivamente, nem sempre com espaço para um riso sobre a ausência.

PALAVRAS-CHAVE: Romance experimental; Ausência; Fragmentos.


ABSTRACT: Although the work of António Aragão is very creased by a satiric and quite caustic humor, the novel A Hole in the Mouth brings a more disphoric tone, marked by loss, in a life that arises from fragments of times and memories not always ordered and, definitely, not always prepared for a laugh about the absence.

KEYWORDS: Experimental novel; Absence; Fragments.



Ligação permanente > cibertextualidades7_77-84.pdf