In > Romance Notes, Volume 51, Number 3, 2011. pp. 271-291 | 10.1353/rmc.2011.0034 | UNC-CH.


Resumo > Perseguindo o itinerário da lírica moderna, não se pode negar que a obra de Stéphane Mallarmé tenha-se configurado como decisiva para o estabelecimento de uma nova concepção de poesia no ocidente. Também parece inquestionável, embora seja em si mesmo um paradoxo semelhante ao ocorrido com Rimbaud, o fato de que a lírica enigmática e isolada de Mallarmé tenha exercido tamanha influência sobre poetas como Valéry, George Moore, Swinburne, T.S. Eliot, Ungaretti, entre outros. Muitos são os fatores que tornam a lírica mallarmeana tão inusitada.


Ligação [acesso condicionado] > http://muse.jhu.edu/login?auth=0&type=summary&url=/journals/romance_notes/v051/51.3.silva.html